18 março 2015

O que faltou dizer de Rafael




Quando vi Rafael pela primeira vez pensei, que rapaz bonitinho, simpatiquinho, educadinho, charmosinho, ex jogador de futebol, bem o tipo que pode ganhar o jogo. 

Bom, isso foi na primeira vez. Já na segunda olhada mais analítica... sinceramente? Não gostei.

Se você me perguntar porque, nem sei se eu sei dizer. É por um jeito, uma frase, um olhar, uma postura, uma atitude ou tudo isso junto e misturado.

Talvez eu diga que é por diferença de afinidades. Vou explicar: ele gosta da Talita, eu não gosto da Talita, logo, eu não gosto dele, rsrs.
"Diga-me com quem andas que te direi quem és". Ok, eu sei, foi horrível essa (tô tentando ganhar tempo porque falar de Rafael é complicado).
Talita o manipulava no jogo e sua personalidade fraca desmereceu sua imagem pra mim. 

Talvez eu diga que é por causa de uma certa arrogância que é inerente à ele e que me incomoda.
Talvez eu diga que é por causa de seu jeito esquentadinho, de rompantes agressivos.
Talvez eu diga que é por causa da forma debochada com que já vi ele tratando certas pessoas. 
Talvez eu diga que é por causa da maledicência. Não aprecio quem faz intriguinha, fofoquinha, dá corda, entra na pilha e também bota a pilha. Isso é jogo? Ok, é jogo, faz parte diminuir seu concorrente aos olhos dos outros e da audiência, #SQN. Meus critérios de avaliação são
diferentes, e pra mim este tipo de jogo é pobre.
Talvez eu diga também que enxergava nele uma dissimulação que eu não conseguia apontar precisamente, até que ele fez o favor de pontuar brilhantemente na situação com a Tamires. Não vou nem entrar no mérito de que ele deveria ser leal à Talita, porque naquele jogo muito louco você só deve lealdade à si mesmo, porque se você deixa de fazer o que tem vontade, deixa de ser você e passa a usar a máscara, o que é conveniente, mas não é verdadeiro, e mais cedo ou mais tarde, o público percebe e reage.

No caso Tamires, ficou muitíssimo claro que a máxima "quando um não quer, dois não brigam", vale também para outras ações, já que os dois estavam se xavecando.

MAS... no dia seguinte... quando ele viu o estado emocional de Tamires por causa do que ela então sóbria, considerou uma traição à Talita, o que ele fez? Negou com a cara mais lavada do mundo.

Todo mundo viu o quanto ele insistiu para que ela fosse ao quarto Secret, né? E não vem com o papinho de que esqueceu porque tudo o que um bêbado quer é esquecer, mas a ressaca moral não deixa. E ainda teve a infeliz ideia de questionar a ida da moça ao quarto, olha que feio! Essa atitude tão pouco solidária com a amiguinha, tão sem empatia, tão covarde...homem que é homem não assume suas mancadas? Pois é, mas Rafael não teve uma atitude de homem.

- Pegou mal, Rafa. Com medo de se queimar com Talita, ops, quer dizer, com medo de se queimar no jogo, você se queimou com ela, com os brothers e com a audiência. 

Mas apesar da porcentagem mais alta até agora, não chega a ser vilão. Foi mais por proteção à Cézar do que por rejeição à Rafael, eu acredito.

Parodiando Bial, vem jogar aqui fora, Rafa, como candidato à campeão milionário, você é um ótimo jogador de futebol. 



O ser humano é contraditório por natureza, vivemos batendo no peito e afirmando coisas para, logo em seguida, dependendo do local ou das pessoas envolvidas, afirmarmos o exato oposto, mas normalmente nada disso é gravado, e com certeza nada disso é transmitido em rede nacional.

Quando se participa de um reality, tudo e qualquer coisa que se faz ou diz vai ser visto por alguém, e com o advento da internet essas atitudes também podem ser gravadas e editadas e montadas pra ficarem eternamente navegando na rede mostrando todas as vezes em que o participante falou mal de um determinado grupo ou pessoa e depois disse o contrário pro outro grupo.

Essa foi a tática de jogo do Rafael. Se esqueceu completamente que havia um público assistindo cada passo seu e resolveu investir no jogo interno, sendo sorridente e amigável com todos pela frente, enquanto pelas costas alfinetava a todos dependendo da situação em que se encontrava ou com quem falava.

O caso mais nítido disso foi sua relação com Luan, pois desde o começo foram amigos e o Luan realmente acreditava nesta amizade, mas após a indicação de Talita para o paredão, que foi muito mais por culpa do namorado da moça do que do amigo, já que nas filmagens percebe-se que Rafael fala o nome de Fernando, talvez fosse mesmo só uma pergunta, mas o suficiente para confundir Luan, e ainda assim este assumiu a culpa pelo ocorrido sendo que das milhares de coisas que fez, deste fato não tem culpa nenhuma.

Rafael sem pudor algum começou a limar seu “amigo” para todos da casa, porém continuou conversando normalmente com o rapaz, sendo um dos únicos que fez isso, mas não falava com Luan o que tinha falado para todos os outros. Mesmo que não tivesse rolado a briga na festa mexicana, Luan estaria no paredão por causa do jogo interno de Rafael, enquanto ele mesmo se preocupava em imunizá-lo com seu anjo.

Outra vítima desse jogo do Rafael, em que ele nunca tem culpa de nada, foi a Tamires, que não suportou ter que arcar sozinha com a responsabilidade pelo beijo que ele deu nela, sendo isso a gota d’água que a fez desistir. Creio que quando você não tem todas as evidências de uma situação, já que perdeu a memória do evento, então não pode sair apontando o dedo pro outro, já que você nem sabe o que aconteceu. No mínimo assuma uma parcela de culpa, pois beijo não ocorre sem ao menos 2 envolvidos, mesmo que estejam embriagados os dois.

Pelo menos ao sair assumiu sua parte na culpa pelo sexo desprotegido com Talita, o que foi uma atitude mais nobre do que a de muitos que a acusaram e eliminaram por conta disso, pois assim como um beijo não ocorre sem a participação de pelo menos 2, sexo desprotegido também é culpa de cada um dos envolvidos.

A grande falha de Rafael foi se deixar envolver nas brigas da Talita, comprando todas elas e se exaltando sem necessidade, acabando até por desrespeitar Mariza que tinha tanto apreço por ele, e Adrilles com quem Rafael nunca conseguiu se identificar, apesar de o poeta sempre exaltar as qualidades do rapaz.

E são muitas as qualidades, como a própria Mariza enumerou: é um homem bonito, aparentemente educado com as pessoas (quando não está falando mal delas pelas costas), gosta de cozinhar (e muito bem) e manter a casa organizada, sabe ser generoso, se envolveu de verdade com Talita, o que fica claro com sua reação à sua saída, inclusive falando que gostaria de ajudar a moça a realizar seu sonho de ser piloto.

Mas infelizmente ao escancarar as contradições do ser humano de maneira tão explicita, Rafael acabou pecando e recebendo sua sentença. Agora deve respondê-la aqui fora, Menino Menino.





Rafael de galã a eliminado com rejeição.

Antes mesmo de começar já tinha torcida por ser bonito e o único desta edição que levaria o cargo de galã.

A trajetória de Rafael no BBB 15 foi morna. Ele mostrou vários lados no jogo. Ao mesmo tempo que estava tranquilo e alegre, alguns minutos depois já estava irritado, chato e tinha atitudes um tanto mimadas.

Nas primeiras semanas aparentava ser forte e ter uma torcida grande ao lado de sua amada Talita, mas começou a se queimar quando deixou influenciar-se por ela, se afastando de Mariza, com quem ele tinha uma boa relação, por causa de Talita, tomando as dores dela e caindo no seu teatrinho mimado, 

Atitudes grosseiras que Rafael não tinha começaram a surgir e seu lado jogador começou a despertar.
Junto com Talita, eles começaram a ganhar carinho e respeito no jogo. Menos pelos inteligentes (Adrilles, Marco e Mariza).

Com a saída de Marco, Rafael e Talita acreditaram estarem fortes e que o público estava do lado deles, mas um pouco depois, com a saída de Talita, Rafael caiu na real e logo percebeu que o Casal não agradava tanto.

Suas jogadas estavam se voltando contra ele e ele começou a temer ainda mais ir para o paredão.

Rafael errou e errou feio ao ter ficado com Talita pois antes ela se destacava e meio que deixava ele apagado.
Sua rejeição começou através de Talita. Rafael apenas continuou e aumentou os 60% que Talita foi eliminada.

Eu torcia para ele no começo pois via um bom moço, educado e alegre. Mas depois começou a ser mimado, chato, falso e hipócrita. Chegou longe por ter feito bastante amizades na casa mas no primeiro paredão que fosse, seria eliminado.

A última coisa que tenho a dizer de Rafael é que se ele tivesse seguido outro caminho, poderia ter saído com menos rejeição ou até mesmo ser um favorito a essa altura do jogo.

Talvez, talvez...



Rafael, que menino lindo, educado, prendado, gentil, boa praça, nos primeiros dias. Era todo genro que uma mamãe gostaria de ter.

Mas que pena, durou pouco. Ao se relacionar com Talita, a menina mal educada, grossa, debochada, desrespeitosa, chata demais, foi mudando. Mostrou-se submisso na relação e sem responsabilidade nenhuma ao fazerem sexo sem camisinha, com o consentimento dela. Dois irresponsáveis. Já disse e repito, nunca deixei de torcer por alguém pelo fato de fazer sexo, mas nunca achei normal se exibirem em rede nacional o que deve ser feito na intimidade sem público assistindo.

Aos poucos entrou no jogo do deboche, da falta de respeito nos ataques de brigas, discursões como um galinho de briga, se achando. Se embrenhou no grupinho onde ate mesmo pela idade, e se dava bem.

Nas provas mostrou garra, inteligência, força, raciocínio rápido, para vencer.  Aí se achou o bambam das provas.

Seu riso, antes espontâneo, passou a ser muitas vezes irônico, debochado.

Mostrou seu lado de falsidade sendo apelidado na net de Rafalso e rato, que se esgueira sorrateiramente por todos os cantos, maliciosamente atrás de seu objetivo.

Ao protagonizar na festa o interesse por Tamires, ao convidá-la para o Quarto Secret, mostrou sua atração momentânea pela Santinha ate então, mas do pau oco.

Acusou Tamires que foi ela a ir no quarto ao perguntar-lhe "O que você foi fazer lá? Eu estava apagado." como se ela só tivesse toda a culpa dos afagos, beijos que aconteceram naquela madrugada. Ficou o ? caso Adrilles não entrasse e lá ficasse sentado ao lado o que poderia ter rolado.

O mínimo a ser feito no dia seguinte esperado por Homem de Verdade seria um pedido de desculpas dizendo sim que teve culpa.

Desdenhou Adrilles e Mariza, Cezar e junto ao seu "fiel escudeiro"  o frouxo, o desleal, o cafajeste, falso Fernando e na cia da tão "amada", "virtuosa" mentirosa, falsa, Amanda formaram o trio que segundo eles iria a final.

A soberba subiu a cabeça de Rafael.

Na sua burra leitura do jogo achou que pelo fato de não ter sido votado ate aquela altura do jogo, é porque tinha feito um bom jogo, era querido por todos na casa, esquecendo-se quem os julga se são queridos mesmo  somos nós público.

Os papos do trio assistindo os outros pela TV era sempre de deboche, maldades se referindo a Cezar, Adrilles e Mariza

Mostrava interesse em conversar com Cezar na academia com a unica intenção de angariar votos em Mariza e Adrilles fazendo sempre a caveira dos dois, Saía e ia malhar de novo mas a língua sobre Cezar com seus amiguinhos. Um leva e traz, fazendo o mesmo quando conversava com Madrilles.

77% REJEIÇÃO foi ainda pouco, para esse menino que muito tem que aprender pra se tornar um Homem.



Bonito, risonho, papo fácil, extrovertido, alegre, bom cozinheiro. Enfim, mil e uma utilidades.

Até se tornar o cachorrinho de Talita, que mandou e desmandou nele todo tempo que esteve lá enquanto estava na casa..

Com a saída dela começou um jogo sem pé nem cabeça, tirando conclusões atrapalhadas quando ouvia partes de conversas alheias e acabava provocando discussões sem pé nem cabeça que não acabavam nunca.

Como bem disse Adrilles na hora do volto contra ele, Rafael se transforma quando não está ouvindo o que quer, ou pior, quando pensa que está ouvindo, o que é pior.

Nesses momentos se transforma deixando de ser parceiro, simpático, para se transformar  irônico, implicante, provocador, mal  educado, grosso ( deve ter aprendido esse comportamento com a Talita, será? )

E torna-se engraçado nesses momentos para quem o vê daqui de fora, por que fica nítida sua contrariedade através de seu comportamento físico : fica todo ligeirinho, gesticulando muito, falando rápido, parecendo a beira de um ataque de nervos. Um perfeito galinho de rinha, já que é baixinho e franzino.

Tinha todas as característica de um possível ganhador, mas perdeu-se no caminho. Passou a ter momentos péssimos tornando-se infantil e mal educado.

Acho que se não tivesse formado casal com a Talita a história teria sido outra.

Mereceu sair mesmo contra o César.



9 comentários:

  1. Maravilhosos todos os textos.
    Rafael saiu por todos os motivos listados. Acho que a Talita foi uma péssima influência pra ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Rose. A influência só funciona com quem deixa,né? Ele escolheu deixar e pagou caro, 1 milhão e meio, rsrs.
      Bjo pra você.

      Excluir
    2. Verdade Acioli. Perder 1 milhão e meio é uma lição e tanto. :)
      Vc além de gentil escreve que é uma beleza.
      Bjs

      Excluir
    3. Muito Obrigado Rose, fico muito feliz pois é meu primeiro texto, Talita foi uma péssima influéncia para Rafael assim como Fernando para Amanda mas como o Acioli disse só é influenciado quem deixa.

      Excluir
    4. Fico feliz que goste, e você também é muito gentil! Bjo e obrigada ♡

      Excluir
  2. O engraçado é que todos os textos começam o elogiando. Depois o detonaram! Que ironia!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tereza, é por que ele foi assim no jogo, começou bem e depois foi de mal á pior.

      Excluir
    2. Exato! Rafael no início podia até ser apontado como campeão. Essa dualidade foi muito marcante.

      Excluir
  3. Acho que Rafael já foi, agora o fogo é entre Amanda e Fernando, porque não fazem uma enquete pra saber o que nos achamos desse casal?

    ResponderExcluir

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html