07 junho 2017

MasterChef Brasil 2017: Taise Spolti é a 10ª eliminada do reality


A participante Taise Spolti arriscou na prova de eliminação e acabou indo para casa ao preparar uma carne vermelha com um sorvete de abacaxi para os jurados Erick Jacquin, Henrique Fogaça e Paola Carosella. Em entrevista ao Portal da Band, a participante lamentou sua falta de experiência culinária.

"Eu sou bem imatura na cozinha. Não viajei muito, não conheço muito a história da culinária. Então, para mim foi uma novidade. Eu já tinha ouvido falar [em combinar sorvete com prato salgado], mas eu nunca comi e não tinha a menor ideia da combinação que deveria ser feita na boca", afirmou a personal trainer.

"Quis trazer alguma coisa que eu já conhecia, que era carne vermelha com abacaxi. Eu não imaginava que meu prato fosse ficar entre os piores, pois ele tinha um conceito da minha terra, que é churrasco com abacaxi e canela. Não imaginava que fosse sair fazendo uma especialidade minha, que é a carne", continuou.

"Todo mundo foi para a culinária óbvia, como a Paola ressaltou. Se eu pudesse voltar atrás, eu teria feito como todo mundo fez: peixe. Só que eles mandam a gente sair da caixa. Então, tentei fazer uma coisa diferente, mas me manter na zona de conforto do meu paladar, que era a carne. Tentei unir e não deu certo", completou.

Questionada se concordava com o julgamento dos chefs, Taise disse que sim. "Sou fã deles e tudo que eles sempre me falaram foi super motivador. Tenho bons ouvidos. Sempre falei que é mais difícil julgar do que ser julgado, mas não achava que seria o pior. Ao longo da competição a gente cria uma autocrítica e tem uma noção do ridículo. Quando está bom, a gente sabe que está bom, mas pode não agradar o paladar. No restaurante, a gente não faz comida para gente, mas sim para os outros", explicou.

Relembrando sua trajetória dentro do MasterChef Brasil, a personal trainer elegeu a prova do ringue de boxe como a sua favorita. "Eu e o Fernando fomos os pontos principais. É o nosso dia a dia, é a comida que eu defendo, usando técnicas culinárias para potencializar o valor nutricional. A gente fez atletas – que vivem em restrição alimentar – gostarem do que a gente entregou. Isso, para mim, foi o ponto máximo de alegria e de satisfação dentro da competição", disse.

Ao final, a personal trainer disse que pretende agregar seus conhecimentos culinários à sua profissão. "Muita gente acha que dieta é ruim de fazer – e realmente é. O nutricionista hoje tem que ter uma noção abrangente da culinária para que consiga aplicar uma alimentação boa no dia a dia, que traga benefícios. Não é só comer por prazer, mas comer com prazer e tendo benefícios nutricionais. Quero aplicar todas as técnicas culinárias que aprendi aqui, unindo a saúde e a vida equilibrada com o prazer de comer", finalizou.

Fonte: BAND

Enquete

Entre os 13 participantes da competição Yukontorn Tappabutt ficou em 1º lugar na preferência dos votantes.

O eliminado desta semana, Taise Spolti, estava em 9º lugar desta preferência.

A última colocação ficou com Leonardo Santos.

Abaixo o print desta enquete antes de excluir o eliminado desta semana.



0 comentários:

Postar um comentário

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html