04 março 2015

O que faltou dizer de Talita
Por Acioli, Laurita Bernardes e Debby Star




Fiquei pensando em como iniciaria este texto e a palavra que pisca em letras garrafais em neon é ALELUIA!

Não precisar mais ouvir o mimimi de Talita é um bálsamo para os ouvidos. O termo que a define com mais clareza é intragável.

Não me lembro de ter visto antes no BBB um participante tão rude, sem educação e mau humorado que tenha chegado tão longe no jogo.

E porque chegou, sendo tão insuportável? Porque BBB é, entre outras coisas, um jogo de sorte. Dependendo das alianças que se faz, uma personalidade que repudia o público como a de Talita pode até avançar no jogo. Mas quando finalmente chega ao paredão, sai com rejeição.

E a sorte virou, nesta semana foi da audiência. Se este paredão não fosse triplo ou se o líder não fosse Adrilles, Talita seguiria no jogo por mais algum tempo. E seguiria se achando "forte", LOL! Adooooro quando um participante é tão sem noção que se acha forte aqui fora apenas porque nunca foi ao paredão. 

Talita usou a fórmula do "vou fazer casal e muito sexo" e " vou criar conflitos pra manipular os outros e direcionar a votação". 

O sexo foi tão explícito que na semana em que Rafael foi líder, as câmeras do pay-per-view do quarto do líder foram desligadas à noite. Inúmeras vezes o casal levou bronca da produção por fazer sexo sem proteção, e provavelmente o estoque de pílulas do dia seguinte zerou (fico pensando nos pais... que vergonha ver uma filha se comportar de forma tão desastrosa!).
A manipulação para direcionar a votação foi tão forte que Talita criou motivos para descompensar seus desafetos propositalmente e fez de cada simples discussão de pontos de vista, um barraco enorme. Fez um jogo egoísta e cruel, e mostrou que não tem empatia com nada e nem ninguém a não ser com ela mesma. Fez birra, fez bico, fez intriga e só faltou se jogar no chão e bater os pés como uma criança mimada que não ganha o que quer na hora que quer. 

Se pensarmos apenas em termos de jogo, Talita teve jogadas de mestre ao criar as situações que acabaram por emparedar a vítima da vez. Mas errou feio no jogo mais importante, o da vida.  

Se Talita entrou no jogo para ganhar o prêmio ou para ser famosa, fracassou em ambos. O prêmio milionário passou longe e o tipo de fama que ela conseguiu ninguém deseja. 

Terá sorte se ainda estiver empregada, porque qual a companhia aérea que deseja em seu quadro de funcionários uma comissária que denigre a imagem de toda uma classe? 

Já para a audiência, odiar Talita até que foi divertido, mas acompanhar o programa sem Talita, não tem preço!





Foi falado muito de Talita na internet, nas redes sociais. O que dizer então? Minha análise e meu julgamento, pois esse é o papel do público que assiste, que vota num Reality Show.

Estatísticas mostram que houve um aumento assustador  de números de casos de Aids entre os Jovens. Como não mata mais como antes e se tem
tratamentos eficazes com prolongamento de vida, houve um relaxamento por parte desses jovens que passaram a fazer sexo sem preservativos.

Culpa também ao meu ver por parte do  Ministério da Saúde de não veicularem mais periodicamente campanhas como eram feitas na época que a doença matava em pouco tempo. Algo que tem sempre que estar sendo lembrado.

Talita e Rafael ao fazerem sexo na casa sem usar camisinha, e querendo abusar do uso da pílula do dia seguinte, deram  um péssimo exemplo em rede nacional.

Mas isso não foi o motivo de sua eliminação, pois fazer sexo em RS nunca eliminou ninguém, apesar de eu achar que, se acham normal fazerem com milhões de telespectadores assistindo, seria normal chamar familiares, amigos, vizinhos para os assistirem em casa também.

Mas o que leva o público a eliminar um participante é seu comportamento em geral  dentro da casa. Suas atitudes, suas palavras, enfim o que a pessoa nos mostra ser.

E Talita se mostrou uma menina grossa, invejosa, sem educação, sem respeito as pessoas, e a si mesma, debochada, antipática, arrogante. Xingamentos pesados aos seus desafetos no caso Marco e Mariza, chegando  a chamar Mariza de piranha.

Mariza provocou? sim. Mas não justifica de forma alguma, ter sido tratada da maneira que foi, na frente e nas conversas por trás com seus amigos na casa. Ela simplesmente passou a ter raiva de Mariza, verbalizando isso.

O que Marco lhe fez pra que ela o tratasse daquela maneira? Nada, apenas a incomodou com sua sabedoria, e  a colocou no seu devido  lugar, de menina vazia, fútil.

Mostrou  ser totalmente descompensada, pavio curto.

E ir tentar descobrir o segredo de Cézar, mentindo ao dizer que Marco lhe contou que ele era Policial (ideia de Tamires) mostrou o que é capaz de fazer para conseguir seu intento.

Fico pensando,  um passageiro idoso reclamando de algo com ela, num dia de muito mau humor da parte dela, se seria capaz de se controlar, ser educada, ou se agiria da sua forma costumeira de mau educada.

Ela tem o sonho de ser Piloto. Para tal o equilíbrio emocional é primordial para uma carreira dessa. E isso ela mostrou não ter nenhum.

No chat mostrou que  sua eliminação de nada serviu, apesar da mãe ter lhe dito sobre o real fato, ela continuou a massacrar Mariza e não se arrependeu. Mostrou arrogância mais uma vez.

Errar é do ser humano, continuar errando é ser desumano com os outros e principalmente consigo mesma.

Ela é nova tem toda uma vida pela frente, quem sabe a Vida lhe mostre que arrepender-se faz parte do crescimento, e consiga mudar, pra que ela se torne uma pessoa que possa ser admirada e não essa menina que foi tao detestada pelo público do BBB 15.

O castigo veio mais cedo que esperávamos, e por ironia, por 1 voto, o de Mariza.



Parecia ser no início uma menina engraçada, sapeca, leve e solta, inclusive tendo liderado por algum tempo as pesquisas para ser a vencedora dessa bagaça.

Infelizmente acabou se mostrando uma pessoinha grosseira, mal educada, invejosa, sem respeito para com aqueles que não compartilham de suas ideias.

As cenas de sexo protagonizadas por ela e Rafael embaixo do edredom, até poderiam ter passado batidas se não houvesse tardes de comentários sobre o fato repletos de comentários sem pudor, sem respeito, usando palavras debaixo calão.

Isso com certeza deve ter deixado muita gente horrorizada e como mãe que sou, se minha filha tivesse aquele comportamento para o Brasil inteiro ver eu morreria de vergonha.

Suas atitudes com a Mariza demonstram toda sua falta de educação, falta de respeito e consideração, o que parece ser generalizado nos moradores da casa esse ano.

Vazia, invejosa, debochada, irônica, fofoqueira, mal educada e grosseira......faltou algum adjetivo?

Fez do Rafael seu cachorrinho de estimação, SENTA... DEITA... ROLA... FINGE DE MORTO... quem sabe agora ele volte a ser o cara que era no início.

E o mais irônico de tudo é ter saído com apenas 1 voto... e de quem?????? Mariza.

TOMA !!!!!!  Bem feito !!!! Castigo !!!



16 comentários:

  1. Olha, desculpa, eu não torço para ninguém e até achava ela bem mal educada sim. Mas é uma menina, novinha, com uma estória de vida sofrida, batalhadora. Acho triste essa coisa de sentir ódio de participante de reality. Aquilo é uma máquina de moer carne. O programa pode ter destruído a vida dela. Acho mesmo que ela teve muitos momentos sensatos que não foram mostrados. Ela saiu por baixo e tacar pedra nela nada mais é do que crueldade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Crueldade? Dela? E o q fez c Marco e Mariza q nunca vi em todos BBB's algo parecido? Ela plantou e colheu o seu fruto! Mulher vivida e rodada p vida q tinha. Que aprenda a lição pq p q vimos é bastante revoltada, e só o sexo acalmava e achava q c isso iria passar batida por nós! FORA TALITA SEMPRE!

      Excluir
    2. Me desculpe Angel , mas se todo mundo que tem estoria de vida sofrida, é batalhadora e blá blá blá, se achar no direito de ter esse tipo de comportamento então o mundo realmente PARA QUE EU QUERO DESCER

      Excluir
  2. Oi, Angel! Você tem razão, essa "corrente" que toma conta da audiência com participantes que mostram uma personalidade controversa, é meio assustadora mesmo. Mas não é ódio. Ninguém é capaz de odiar quem não conhece e que não o prejudicou pessoalmente. É apenas repulsa. Quando a pessoa se sujeita a participar de um RS, sabe que será julgada com muito rigor, o jogo é assim, então cabe à ela escolher que tipo de sentimentos deseja despertar no público. E arcar com essas consequências.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Angel, depois de 14 BBBs estão cansados de saber que quando entram num programa como este onde vão ser julgados pelo público, suas vidas são vasculhadas, suas famílias expostas.Que quando saem com rejeição do público, suas vidas viram de cabeça pra baixo, perdem empregos pois as empresas empregadoras nao querem veincular sua imagem negativamente. Como aconteceu com vário .Entram sabendo o risco que estão correndo. Não existem mais participantes inocentes. Mas na ânsia de fazerem dinheiro em pouco tempo, com prêmios, e expectativa do 1 milhao e meio em 3 meses, nao pensam nas consenquências negativas que por ventura venham a acontecer.
      Crueldade foi o que ela fez dando o monstro a Mariza,(2vzs seguidas no monstro) debochando, garagalhando por trás
      Não lhe desejei mal nenhum pelo contrário disse que esperava que ela aprendesse pra se tornar uma pessoa melhor. Não acho crueldade nenhuma de minha parte dizer o que disse. Batalhar desde cedo, sem pai, ate as vezes sem mãe tambem, existem milhares de pessoas que o fazem sem passar por cima de ninguém, sem menosprezar,sem faltar com o respeito, debochar, ridicularizar. e sentir raiva como ela mesma sentiu verbalizadndo este sentimento e demonstrando com atitudes. Portanto simplesmente está colhendo o que plantou na sua permanência na casa.Pensasse bem, sabedora de seu temperamento de mau educada e destemperada, antes de se incresver e aceitar entrar no programa. Que afinal é um jogo, onde se ganha muito ou também se perde muito.

      Excluir
  3. Concordo com todas as opinoes, a arrogancia dessa menina passava dos limites, o fato de fazer sexo na casa (que eu nao acho nada demais) passou desapercebido em comparaçao ao seu pessimo comportamento, se achava a dona da verdade, e quem quisesse aceitar bem, senao ela nao tava nem ai, manipulava descaradamente o Rafael que virou um zero a esquerda, as discussoes se tornavam baixas porque ela começava a gritar feito uma maritaca e xingar para todos os lados, fora que quando a Mariza se retirava ela chamava a pobre senhora de coisas do tipo " filha da puta" , "velha nojenta" entre outras coisas desnecessarias.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma cena que me deixou de boca aberta. Mariza dançando no meio da pista em uma festa e em um canto as 3 cajazeiras: Angélica, Amanda e Talita. E diz a ¨meiga Talita: ¨Vontade de ir ali e dar uma voadora naquela velha sair dali pra gente poder dançar ¨....é ou não é chocante !!

      Excluir
  4. Concordo com o que foi falado aqui. So acho que ela nao e novinha para ter pelo menos um pouco de educacao. Fez do rapaz um marionete, um cachorrinho, xingou, espezinhou e deu risada da marisa e do Marco. Nao se arrependeu, o pedido de desculpas, foi pq sentiu que sua batata estava assando. O pior e que achava que era verdadeira agindo assim, e se essa for sua verdade , tenho realmente pena da mae dela.

    ResponderExcluir
  5. Atitudes de menosprezo. falta de respeito, deboche (parecia uma entidade do mal matreira, quando alguém estava discutindo ou em uma situação vulnerável esta sempre rindo), falta de respeito, vocabulário chulo (ela era comissaria de bordo) pena dos clientes da CIA aérea, que ela mesma confessou que já destratou.

    Ainda tem gente que não enxerga os claros motivos que levaram a eliminação.

    O sexo foi o de menos, mas aí agora o publico não é racistas é machista, a culpa da eliminação agora sempre é do público e não do participante! rssss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. exatamente isso ronaldo,falaste bem. por isso minhas análises sempre sao feitas pelo comportamental e nao pela cor da pele.

      Excluir
  6. Olha, até concordo com a maioria das características negativas apontadas que são inerentes á própria Talita, porém em relação ao sexo na casa, eu espero sinceramente que os exatos comentários sejam feitos em relação ao Rafael quando este for eliminado, inclusive no que diz respeito ao que a família dele deve ter pensado, e a vergonha que ele possa ter causado a sua família. A palavra 'casal" refere-se a 2 pessoas que se envolvem, e, no caso, os 2 mantiveram relação sexual desprotegida, os 2 podem, ou não, ter envergonhado suas famílias por não usarem proteção. Qualquer coisa que seja feita em conjunto pelo casal é de responsabilidade de cada um deles. O que achei mais errado nos comentários sobre a Talita, em geral, não só aqui, foi a questão de cair somente sobre ela a culpa pelo não uso da camisinha. Há quem diga que o Rafael pensava que ela estava usando anticoncepcional e por isso não utilizou, mas ele perguntou isso a ela de maneira explicita? Então, sim, ela errou, mas ele também errou e deve ser igualmente condenado! Quanto à quantidade, falatórios e a maneira como era realizado o ato sexual, se é para causar desconforto nas famílias, que seja na dos 2 também! Não é legal disseminar ideias retrogradas como "fico pensando nos pais... que vergonha ver uma filha se comportar de forma tão desastrosa!" e "como mãe que sou, se minha filha tivesse aquele comportamento para o Brasil inteiro ver eu morreria de vergonha", a menos que se deixe claro que isso não tem a ver com o gênero dela, por ser "filha" e sim recriminar as duas partes desta atitude, dizer que ficaria com vergonha tanto da "filha" Talita, quanto do "filho" Rafael (poderia até interpretar que tais comentários se referiam ao comportamento de Talita em geral com seu desrespeito e etc, mas como esses trechos vieram justamente após se referir às cenas de sexo, creio que é este o comportamento vergonhoso a que se referem). Deixo como exemplo de como poderiam ter tratado o tema o próprio comentário da Laurita, pois soube muito bem abordar o assunto sem delegar a culpa apenas a Talita, dividindo-a entre as duas vértices do casal. Parabéns Laurita, muito lúcido o seu comentário!

    Outra parte que me preocupou foi quanto a dizer que ela denigre a imagem de toda uma classe. Que exagero, não? Em nenhum momento em que vi a moça agindo estupidamente como agiu, pensei "Nossa, é assim que comissárias se comportam na vida particular? Como são mal educadas!". Mais uma vez é um tipo de comentário retrógrado que não deve ser disseminado. Temos uma responsabilidade ao sermos formadores de opinião que é tentar diminuir a quantidade de preconceito que ainda existe em relação a milhões de coisas, então ter esse tipo de mentalidade, de avaliar um todo diante de um comportamento individual, deve ser abolido da sociedade. Sei que pode parecer mais prático e lógico e surgir naturalmente nos nossos pensamentos, e nem eu estou livre de incorrer nesse tipo de erro, mas, como propagadores de opinião devemos evitar de repassar aos outros esse tipo de linha de pensamento de que o comportamento individual da Talita possa prejudicar a imagem das aeromoças em geral, pois, por mais que para o comentarista ele não pense mal das aeromoças pelo comportamento da Talita, dizer que ela denigre a imagem da classe é divulgar ainda mais essa mentalidade de que "Se A então B" quando A e B não tem exatamente nenhum nexo causal entre eles. Não sei se fui suficientemente clara, e desculpem o tamanho do texto ou se a crítica foi muito ríspida, mas sabendo que o nível do site é de análises elevadas, creio que serão capazes de entender que minha análise das suas análises tem o mesmo desencadeamento lógico que vocês realizam nas suas críticas, sem qualquer intenção de ofender, apenas propor uma reflexão, se possível. O Votalhada é o blog que utilizo durante os paredões como termômetro do jogo, e posso afirmar que fazem um ótimo trabalho nesse sentido. :) (uma smiley face no final pra assoprar em cima da mordida)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem Ray?
      Gostaria de entrar em contato contigo.
      Pode me escrever para contato@votalhada.com.br?
      Abraço.

      Excluir
    2. Ray, nada de se desculpar pelo tamanho do texto. Quando bem escrito, explanando tão bem seu modo de analisar nos dá prazer em ler. Críticas sempre são bem vindas e como disse nos dá oportunidade de refletir sobre o Olhar do Outro .Infelizmente existe um machismo ao culpar sempre a mulher, como se nao houvesse a cumplicidade entre os dois. Obrigada pelas suas palavras. Fico lisongeada de ser elogiada por uma pessoa inteligente que demonstra sensatez, sensibilidade em suas palavras.

      Excluir
    3. Sim, foi justamente para tentar coibir essa questão da visão machista, que as vezes as pessoas exercem até mais por hábito do que por preconceito em si, é que me pronunciei sobre o assunto. Muito obrigada pelos elogios. Posso dizer que a admiração pela forma de escrever é recíproca!

      Excluir
    4. Ray, entendo o que voce quer dizer, e concordo em partes. Acho também que a culpa pelo sexo sem proteção é do casal, e quando chegar o momento de falar de Rafael, em minha análise, isso será mencionado como foi na vez de Talita. "Que vergonha dos pais ao ver uma filha se comportar de forma tão desastrosa", não deveria causar incômodo uma vez que é reflexo da sociedade em que vivemos. Homens são criados para comemorar suas conquistas sexuais e são incentivados pelos pais a iniciá-las cedo, já as mulheres, até pouco tempo atrás, deveriam casar virgens. Ver uma filha em cenas de sexo explícito em rede nacional com certeza envergonha os pais, já se a mesma pergunta for feita aos pais de um homem, é provável que a resposta seja "muito pelo contrário, que orgulho do meu garanhão"! Seria hipocrisia, vivendo na sociedade em que vivemos, considerar que homens e mulheres tem os mesmos direitos, porque infelizmente, ainda não tem. Quanto à "imagem que denigre toda uma classe", infelizmente também, o coletivo é julgado pelo comportamento individual daquele que está em evidência, não à toa, a expressão "os justos pagam pelos pecadores" é uma máxima. As principais características que se esperam de um comissário de bordo são gentileza, educação e empatia, qualidades que Talita não possui. Quando um profissional, seja de que área for, está no foco, é natural que ele represente a classe. A imagem pública de Talita está associada à imagem dos comissários de bordo à revelia da vontade pessoal dela ou da classe, infelizmente. Mas agradeço muito suas críticas, promover debates saudáveis de pontos de vista é o meu objetivo ao expressar minhas opiniões, pois me faz pensar! Um beijo pra você.

      Excluir

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html