04 novembro 2013

IMPRESSÕES de Frank Killer: Grazzy


Grazzy

A Grazzy "não anda; ela desfila". Na verdade ela nem desfila, porque seu caminhar natural já se amoldou aos intermináveis ensaios para participar de concursos de miss. A paranaense de belos olhos verdes deveria ser a ganhadora da quinta edição do BBB. Seu único defeito seria talvez seu gosto para escolher parceiros. Bom, talvez seja um tipo de inteligência que a compele a fazer contrastes. Ou talvez não se liga em aparências e enxerga com acuidade coisas interiores nas pessoas que quase ninguém mais percebe.

De qualquer maneira, após conhecer tantas beldades no mundo da modelagem e dos concursos de beleza, ela descobriu que "beleza não põe mesa"! LOL. Por isso é que não acho que beleza seja atributo para ganhar RS. Infelizmente a maioria das pessoas não pensa assim e acha que beleza é sinal de bom caráter e não há nada de mais enganoso nisso. Infelizmente também alguns que sabem disso pensam que beleza é sinal de má índole e aliam isso à inveja e ao ciúme para rejeitar boas almas. Mas, Grazzy, o inverso também é verdadeiro! Quem tem boa índole e beleza interior, independentemente de atributos físicos, também é perseguido pelos invejosos, como na fábula da Serpente e do Vagalume, onde este é perseguido só porque ele brilha.

Em resumo, é melhor não considerar a feiura e a beleza físicas como atributos de caráter ou qualidades a serem considerados. Prefiro as belezas interiores. Esses a Grazzy tem de sobra! O que ela tem por dentro de sobra, a Sabrina do BBB3 tem de sobra por fora, porém ambas foram abençoadas com exuberantes plásticas e bons atributos. Os moldes em que foram feitas são pouco utilizados por Deus.

Às vezes me correspondo com pessoas que considero altamente ricas de alma sem nunca as ter visto mais gordas e descubro com surpresa depois que foram injustiçadas em dotes físicos, exteriores. O inverso também ocorre quase que ou na mesma proporção. Posso falar de cátedra que uma coisa nada tem a ver com a outra. As feias não precisam me perdoar, já que isso não é defeito, porque "há sempre um chinelo velho para um pé doente", ou cansado, graças ao Bom Deus, e mais ou menos 50%, se não for mais, dos que se ligam só em beleza se decepcionam.

Beleza física não dura para sempre e o caráter ainda pode melhorar mais até ao fim da vida de cada um. Isso é uma vantagem para as feias e um desafio para as bonitas. Nesse caso vale à pena mencionar que o tempo corrige ou reajusta tudo. Deus é perfeito em sua obra e, para os céticos, que seja então perfeita a providência natural. LOL.

Marielza e Marcos foram confinados no quarto dia, escolhidos por um sorteio. Em uma votação popular entre os dois, a Marielza foi a vencedora com 54% para ficar imune na primeira semana. Na segunda semana em que a Marielza teve o problema médico e foi retirada do programa (22/01/2005), o Marcos foi o eliminado 3 dias depois (25) num paredão contra o Jean com 61%. O problema homofóbico na casa surgiu após o Jean ter voltado dos dois paredões iniciais. Ela havia sido votado nas duas primeiras semanas por Alan, Tati Rio, PC, Rogério e Giulliano. Juliana votou nele só na primeira semana, porque foi a eliminada da vez.




Deveria ser entre a Pink, o Jean e a Grazzy, mas quando havia somente cinco na casa, na décima semana, o Sammy se imunizou ao conseguir ganhar o "Anjo" e o Alan era o Líder (que indicou a Pink). Os 3 amigos tiveram que votarem-se entre eles e o Jean acabou indo para o paredão, pelo voto de Minerva de Alan, contra a Pink, que foi eliminada com 64%. Jean havia empatado (votos de Grazzy e Pink) com a Grazzy em votos (Jean e Sammy). Curiosamente o Jean foi votado pelas duas mulheres e, a Grazzy pelos dois homens com direito a voto no confessionário.

A estrela do Sammy brilhou intensamente nessa semana (e na seguinte), porque se não estivesse imune certamente seria o emparedado pela casa (contra a Pink na décima semana) no décimo paredão e no seguinte. Ele era o concursante ideal na Final para não atrapalhar a vitória de ninguém.

Na semi-final, o Líder Sammy indicou o Alan, que escolheu disputar o paredão contra o Jean. Foi eliminado o Alan com 76%. Os prêmios para os finalistas dois dias depois foram de R$ 30.000,00, R$ 50.000,00 e R$ 1.000.000,00, respectivamente para terceiro, segundo e primeiro lugar. Já nessa ocasião era comum as provas beneficiarem ou prejudicarem um concursante para estabelecer uma Final a gosto dos realizadores. Já poderia ter havido conjecturas na ocasião para aproveitar a Grazzy em telenovelas, depois de um período de treinamento e adaptação. Houve desmentidos, mas quem acredita nisso?

Jean sagrou-se campeão com 55%, ficando a Grazzy em segundo com 40% e Sammy com 5%. Em minha opinião Jean conseguiu a vitória com o apoio da comunidade gay, que suspeitava-se, mas quase ninguém sabia que era tão numerosa. Não fosse isso a Grazzy provavelmente seria a ganhadora e porque, para seu azar, as torcidas se polarizaram num debate sobre homofobia. A causa disso foi a divisão da casa entre grupos a favor e contra (disfarçadamente) a questão homofóbica e os preconceitos sobre preferências sexuais. Jean explorou inteligentemente essa questão, que conhecia tão bem.

Depois dessa edição, todos os homossexuais que participaram de Realities tentaram explorar essa vertente das correntes de opiniões, empunhando a bandeira do preconceito, sem muito sucesso. Ficou patenteado que ser gay não é atributo pessoal obviamente. Alguns teimam em entender que sim, mas logicamente é apenas preferência sexual e não qualidade ou defeito, escopo de qualquer RS.

Minha musa para esta edição era a Pink, por causa de seu jeito engraçado e personalidade despojada inusitada. Depois que ela saiu passou a ser a Grazzy, mas em minha opinião a Pink merecia estar na final no lugar do Sammy.

Karla


Foi a última remanescente do grupo dos "contra" (também batizado pela produção de "Os Inacreditáveis"), eliminada na nona semana com 76%. Faziam parte do grupo Giulliano, Rogério, Paulo (PC), Natália, Tati Rio e Aline, eliminados nessa ordem, da terceira à oitava semana com expressivas votações. Aline passou a ser a recordista em rejeição com 95%, porque passou a fazer jogo duplo e ser taxada de agente "X-9", após salvar-se de um paredão contra o PC na quinta semana. Realmente o nove não era o seu número de sorte.
Aline havia entrado também por sorteio no lugar da Marielza, afastada do programa por causa de um AVC na segunda semana. O outro grupo, menor, cognominado de "Os Defensores", era constitituído pela Grazzy, Pink, Sammy e Jean, inicialmente. Depois passou a contar com a participação do Alan, após iniciar um romance meio morno com a Grazzy. Em minha opinião nenhum dos homens dessa edição reunia condições para chegar à Final, excetuando o Jean por sua inteligência. Ele era culto também, mas cultura não é atributo válido para ganhar RS em minha opinião.



"Pedro Fernando 28 de outubro de 2013 04:12
Mama é minha jogadora preferida, desde 2004 falo isso e até agora não mudei, ela jogou muito bem para ir o mais longe que pudesse, sem saber, ela fez o melhor que pôde e devia fazer naquela época, pois Cida e Thiago já eram finalistas antecipados, então o jogo dos outros ali era ir mais longe possível, Juliana merece todo crédito de ter ficado em terceiro, mas Mama tentou e bem, e mesmo com ares de vilã, conseguiu ganhar 2 paredões, inclusive como curiosidade, ela eliminou um futuro campeão, o Dourado em um paredão. haha

A filha da Mama fez uma visita à casa (devia ter uns 12, 13 anos), nunca mais teve isso, agora a filha da Mama tem mais de 18 anos, sempre imaginei e queria ver a filha da Mama jogando o BBB, mas que volte a Mama para jogo."

Acho que a menina já deve ter pelo menos uns 21 e também tenho curiosidade em conhecê-la.

"Tors Abaquar 28 de outubro de 2013 10:26
Foi rápido... ficou esquisito ele lá na enquete..."

Abração, Tors. As nossas enquetes sobre os antigos BBBs nada têm a ver com a volta dos ex-concursantes a uma possível edição futura do Reality. Ela visa somente saber quem foram os melhores ou piores concusantes na opinião dos nossos visitantes. Quem já faleceu ou foi expulso ou retirado do programa por qualquer motivo não está automaticamente excluído nas enquetes. Os fãs vão compreender o que fazemos quando fizermos uma enquete geral com os ganhadores das enquetes de cada edição.

É bem verdade que uma edição somente com ex-concursantes não é de todo uma má idéia. Outros países já fizeram isso com edições chamadas Big Brother-Celebrities ou nomes similares. O sucesso obtido obviamente depende da seleção no casting e as nossas enquetes poderiam servir como guia. Já deu para perceber que misturar novatos com veteranos não é uma boa idéia e é injusta.


1 - Karla foi apresentadora de um programa chamado "Simbora com Karlinha" num canal de Pernambuco aos sábados. Era dançarina e participou de vários conjuntos de forró do Nordeste.

2 - Jean é professor universitário e se elegeu em 2010 como deputado federal pelo PSOL no Rio de Janeiro. Tem 161 pontos no ranking dos políticos (3/11 - politicos.org.br/). Diz que prefere as plantas aos animais de estimação. Basicamente é um posicionamento político em minha opinião! Se você é fã do Jean e sabe de suas realizações políticas, vai lá no site e deixe um depoimento.

3 - A primeira eliminada, Juliana, tinha só 18 aninhos, tinha "piercings" na língua e no rosto e tatuagens em lugares estranhos e inusitados. Nas costas, havia uma tatuagem com os versos "Andando ao Deus dará. Sem nunca dar adeus" de uma música do Lulu Santos. Isso me faz recordar um parente meu que não tinha residência fixa em lugar nenhum e tinha suas roupas e pertences espalhadas pelas casas dos parentes. Tinha espírito nômade! Ele não dava adeus e nem "até logo", talvez por superstição!

4 - "juju 27 de outubro de 2013 22:45
Não foi só Rogério que posou nu, o Zulu, o Buba e o Thiago tbm..."

Somos gratos pela informação, Juju. Mais alguém de outros BBBs? LOL. Um abraço grande.




Um comentário:

  1. Oi Frank! O Sammy tbém fazia parte dos inacreditáveis, ele era o Ninja ensaboado rsrsrs. E era apaixonado pela Karla, mas ela gostava do Dr Ge. E a Pink gostava do Sammy, mas ele não correspondia às investidas dela. Numa festa ela até chorou pq ele a desprezou. Ah! Eu tbém torci muito pela Pink e Grazi. Abraços

    ResponderExcluir

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html