04 junho 2019

O Aprendiz | Sandra Matarazzo demitida, por Lédson Guimarães


Texto recebido em 28/05/2019

Que a disputa está boa n’O Aprendiz, isso é verdade. Mais um episódio confirma o nível quase equiparável, sob diversificadas vertentes, dos candidatos restantes. Embora equiparável não significa afirmar que o nível seja incrivelmente satisfatório.

Ora, a décima segunda tarefa foi repassada aos influenciadores digitais como sendo a mais próxima de sua zona de conforto. Gerar conteúdo virtual é rotina para essa galera. O ponto de dificuldade, fora o fato de precisarem elaborar conteúdo novo em grupo, residia no curto prazo para a elaboração e entrega de um vídeo: aproximadamente apenas o turno matutino do segundo dia de tarefa. A informação assustou os participantes e comprometeu os resultados.

A Magazine Luiza trabalha com uma infinidade de produtos que estão disponíveis para compra através de seu recente super app. Uma gama desse lote passa batida aos olhos dos internautas e, pensando nisso, o objetivo da prova era a criação e produção de um vídeo para divulgar um desses setores. As equipes teriam total  liberdade criativa e seriam avaliadas nesse quesito, além da assertividade e da performance do material criado.

Como sempre, as expectativas depositadas por Roberto Justus, seus conselheiros e patrocinadores em cima dos aprendizes parecem ir “Ao infinito e além”. E já cansamos de saber como tudo termina. Muitos de nós que assistimos também fantasiamos após o briefing com resultados brilhantes e inesquecíveis. Tudo parece menos difícil do que realmente é. O gerente de redes sociais da Magazine Luiza foi mais um que esperou um produto criativo inédito que, talvez, pudesse ser inserido no canal do YouTube da empresa.

Gabi liderou a equipe Share e produziram um vídeo voltado para o segmento de pets. Sandra liderou a Hashtag promovendo a seção de livros. Enquanto a Share trabalhou na paz da harmonia a Hashtag teve seus agitos nas ondas. Sandra dispôs-se a emprestar a voz para o vídeo, Gaspa acreditou lidar melhor com a linguagem lúdica propicia... Sandra queria recompensar o que não lhe deixaram fazer na tarefa anterior... É reta final, todos querem mostrar trabalho. Enfim, ambos participaram do áudio.

As duas equipes enfrentaram dificuldades durante a edição final do vídeo devido ao iminente horário marcado para a entrega. Como resultado do prazo curtíssimo, a Hashtag ousou no conteúdo, foi criativa, mas apresentou um roteiro confuso. Os internautas mais assíduos do canal da Magalu estranharam as vozes em off no comercial, pois já estavam acostumados com a personagem virtual da loja. Já a Share cumpriu bem a proposta, porém apresentou uma falha no áudio do vídeo.

Para piorar a situação da Hashtag, o grupo entregou o vídeo com uma hora de atraso e deixou a marca em segundo plano por acreditar que a inserção do conteúdo no app da empresa dispensava apresentações repetitivas da marca. Vitória da Share, com direito a um convite para a super elogiada Gabi participar de uma série conteúdos para o canal da Magalu. E segunda derrota consecutiva de Gaspa.

Enquanto os Hashtag descansavam nas praias paradisíacas de Alagoas, os Share esquentaram os ânimos em outra tensa Sala de Reunião. Taty já imaginou que Gaspa e Sandra trariam à tona o fato de ela ter elaborado o roteiro e ter insistido que não seria necessário a inclusão do logo da Magalu no vídeo. Dito e feito, mas Sandra corroborou em partes por assimilar a mesma ideia de Taty, de dispensar apresentações.

A sala foi mesmo quente e os conselheiros não se contiveram em expor suas muitas opiniões e decepções com os participantes. Ricardo Justus, inclusive, perdeu mais a timidez e afirmou que o programa estava pegando leve com eles nessa tarefa, porque o atraso seria imperdoável para uma empresa. O atraso de uma hora representava mais uma hora para que o YouTube liberasse o vídeo, ou seja, na selva de pedra dos negócios a concorrência já teria angariado quantidade imensurável de clientes num dia hipotético de feriado e promoções. 

O embate entre as contribuições e falhas de Taty e Sandra dominou a reunião e a líder salvou Gaspa da última parte da sala, não sem antes ele ter de sugerir a Justus que preferia continuar a trabalhar com Taty. Vivi também enxergava um perfil mais raro em Taty, da mesma maneira como votou pela permanência de PC. Ricardo foi o único a optar pela sobrevida de Sandra na disputa.

Taty manteve firmes suas fortes opiniões contrárias as de Justus e seus conselheiros no referente às ideias falhas que prejudicaram o grupo na tarefa. Apesar disso, a postura forte e versátil da candidata venceu o espírito criativo limitado e a proatividade menos abrangente de Sandra, e a ex-MasterChef foi a demitida da noite.  



0 comentários:

Postar um comentário

ATENÇÃO:

O Votalhada é um blog para AMIGOS do Votalhada. Pode criticar, pode não concordar mas educação é fundamental. Não perca seu tempo.

#SemPolítica #SemOfensas #SemMAIÚSCULAS #SemBabacas

Pessoal, qualquer comentário com conotação política, que cite nome de qualquer candidato ou termos que lembrem candidatos, governo atual ou passados, NÃO SERÃO MAIS LIBERADOS.

LEMBRE, depois de postar fica gravado para sempre. Mesmo que você exclua, a mensagem enviada pelo sistema para o moderador (com o texto postado) não desaparece.

LEIA AS REGRAS:
http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html



Atenção a todos os usuários que não configuraram suas contas do Google ou Blogger e que aparecem como Unknown: Os comentários efetuados com esse nick não serão publicados.

Grato.