10 abril 2017

O que faltou dizer de Marinalva


aciolicontato@gmail.com

Marinalva entrou como uma promessa, apenas por causa da sua condição física.

Mas ela, por sua vez, lida brilhantemente com essa deficiência, não se fazendo de vítima nem incentivando o coitadismo. É uma mulher determinada e segura de si.
Palmas para ela.

Por outro lado, talvez ela tenha precisado endurecer para suportar o desconforto que essa deficiência causa nas pessoas, que muitas vezes é ainda maior do que o desconforto em si própria.

Acho que ela endureceu demais, e se preserva muito.
Poucas vezes vi Marinalva sorrindo espontaneamente.
Poucas vezes a vi agindo de forma que não parecesse pensada e estudada, principalmente nos embates.

Não vi paixão em Marinalva.
Vi amargura. Mas não a amargura causada pela dor. Um tipo diferente, como se causado por uma revolta.
Até compreensível, se levar em conta apenas a condição especial, mas ela tem tantos outros motivos para se orgulhar de si mesma! É o que deveria lhe impulsionar, se fosse realmente sábia.

Marinalva fez um jogo esquisito, meio sorrateiro, indefinido, lá e cá, até que o favoritismo de Emilly foi confirmado também dentro da casa, e Marinalva decidiu ir à luta com as armas erradas. O que lhe faltou em carisma, sobrou em veneno, inveja e conspiração.

Na reta final, quando todos ali já não se preocupam tanto em mostrar o que não são, porque já não adianta mais, ela se desarmou um pouco, pareceu mais humana e frágil, mas não foi suficiente.
Marinalva sairia, me arrisco a dizer, com o mesmo índice, não importando muito quem fosse o adversário.

Tinha tudo para fazer uma linda e emocionante participação, e até mesmo para vencer, se tivesse se jogado no jogo com a emoção do coração, e não só com a razão da certeza de que merecia vencer.



@hanne15115
hannelorenb@gmail.com


Sempre que vou me referir a esta participante, tenho que deixar claro que por não ter sentimentos preconceituosos, jamais criticaria sua participação no BBB por sua deficiência, e até torceria por ela, caso eu enxergasse uma jogadora que estivesse ali de forma limpa, com menos arrogância e querendo ganhar, porque realmente lhe falta grana, e não porque lhe falta uma perna. 

Quando digo que não concordo com a inserção de deficientes ou pessoas muitos pobres num jogo como esse, não significa discriminação, mas por conhecer o quão solidário é o povo brasileiro e por já ter visto premiarem pessoas por suas condições financeiras, quando em nada fizeram para merecerem como jogadores, embora eu reconheça que os tempos mudaram e hoje existem outros critérios que levam a um vencedor deste reality, talvez ainda ocorresse o mesmo com pessoas deficientes e isso colocaria os outros participantes em desvantagem. Injustiça, ou a falta de direitos igualitários entre os participantes é algo que não concordo. Eu jamais me arriscaria a participar de um jogo sabendo que já entraria em desvantagem com os outros competidores, a igualdade de condições entre os jogadores, está bem explícito no momento que as organizações das Olimpíadas utilizam períodos diferentes para as competições entre os atletas normais e os deficientes, não só para adaptarem os aparelhos ou espaços, mas principalmente para darem igualdade de condições entre os jogadores.

Além desse detalhe que muito me tocou quando soube da inclusão da Marinalva, vi nela uma pessoa que, assim como a Emilly tem dificuldade de se relacionar com as pessoas, talvez por ser paratleta e viver no mundo da competição ela esteja sempre com as armas de que dispõe hasteadas em sua defesa, mesmo que de forma verbal, e mostra uma agressividade muito grande, uma ironia, na disputa com seu adversário. Aquela discussão com a Emilly onde ela tenta, de forma dissimulada estimulá-la à agressão física e ser expulsa, mostra bem o que estou narrando. Assustou-me ver a expressão irônica, sarcástica, com que ela falava com a outra e ria na sua cara. 

Passados alguns momentos, acho até que no mesmo dia, estavam as duas se desculpando, se abraçando, querendo que uma se visse como um espelho da outra. Como se chama esse gesto? falsidade? ou estratégia de jogo  simplesmente pelo fato da Emilly estar com o poder da liderança nas mãos e ela estaria em desvantagem no jogo, podendo ser emparedada,  o que só não aconteceu devido aquele fatídico rompimento da líder com o Mamão que a fez esquecer tudo que tivesse recebido de ruim da Marinalva, para atacar uma pessoa que até aquele dia, só lhe apoiou, lhe deu carinho e foi até o responsável pela sua relação com o Marcos, mas esse é um assunto para que eu fale quando tiver que narrar sobre a Emilly.

Seu vício me incomoda, como falta de exemplo para quem se dedica ao esporte, porém como muitos outros participantes em todas as outras edições sempre têm os fumantes, vejo até como uma forma de fuga, para encarar o confinamento, e que, dependendo de suas atitudes dentro da casa, seu cigarro não me afetará, como jogador(a). O que vi na Marinalva em relação ao seu caráter, esse sim, me incomodou bastante e sempre torci por sua saída, ah! como torci para  que ela estivesse com o Marcos, no lugar do Mamão,  o paredão ideal e a visse sair, mas infelizmente não foi o que aconteceu, e por incrível que pareça, na última prova eu cheguei a torcer por ela porque queria muito ver o casal no paredão, mas por um lapso repentino de desatenção, o que para uma pessoa como a Marinalva sempre tão atenta aos mínimos detalhes do jogo,  ser eliminada pela falha de não ter apertado o tal botão, foi totalmente inexplicável e nos deixou órfãos do paredão dos sonhos.

É...Marinalva, espero que você consiga ganhar outras provas e sinta-se  realizada na sua vida de paratleta, porque no jogo BBB é Game Over pra você!





churruminu@outlook.com
@RTrevisa

Marinalva, entrou no bbb com a promessa de levar ao publico o exemplo de que um deficiente é capaz de fazer muitas coisas independentes de seus limites !!! horas bolas Marinalva !!!

Com a sua deficiência, vc deveria ter dado outros exemplos bem melhores, nas paraolimpíadas, nos campeonatos esportivos ou ate mesmo em tarefas domesticas, ... não precisava entrar num BBB para mostrar isso, ate pque, o que vc mais fez la dentro, não dependia da sua deficiência física, dependia da sua capacidade mental e intelectual, exemplos melhores vc poderia ter dado, em não fumar mais que um fusca 73 !!!, exemplo que o Mamão deu e sem apelar pra nenhuma deficiência, exemplo melhor seria não ter ficado em cima do muro , sendo uma leva e traz, (a não ser que sua missão fosse promover as empresas dos correios , sobretudo o SEDEX), Outro exemplo bom, seria não confabular votos para jogarem amigos ou casais no paredão se mostrando uma maquina fria e calculista, outro exemplo, respeitar o namorado, não se jogando em cima de outros homens ou se enfiando embaixo dos edredons dos homens da casa, muito menos dar "selinhos" neles, outro exemplo, não tripudiar a desgraça alheia, rindo forçadamente dos monstros dados aos seus desafetos, se intrometendo nos assuntos alheios, nos relacionamentos alheios, chegar soltando as patas pque ouviu alguém dizer que estavam jogando comida no lixo, sem antes confirmar a verdade, sendo extremamente grosseira e mal educada, um bom exemplo, tbem, não ser falsa e dissimulada, mostrando os dentes para rir de um fato que na verdade estava se roendo por dentro de tanto ódio, (esses momentos a gente via claramente qdo vc mordia os beiços, pra não morder a pessoa que vc fingia estar tudo bem).

Que exemplos,  você queria dar, com sua deficiência? ... onde, participou de 3 provas de resistência, das quais 2 eram sentadas e uma em pé !...dependia apenas do emocional e dos fundilhos e não exigia nada das pernas,..., a prova em pé, vc tinha ate o beneficio da prótese, enquanto as outras duas dependia da busanfa.

Você não deu e nem foi exemplo de nada, não aprendi nada com vc não me passou mensagem nenhuma alem da que um deficiente, tbem pode ser uma mala sem alça, e que não é a sua deficiência que o torna santo por isso,(não podemos generalizar), mas, Marinalva,  não é exemplo de santo , por ser deficiente, assim como, o negro, o branco, o homossexual, o gordo, o magro, o rico o pobre, o homem ou a mulher não é exemplo de NADA, por ser o que é, todos são seres humanos cheios de erros e defeitos, e não se deve apelar para suas condições físicas, raciais, sexuais ou financeiras,  para se vencer um jogo onde tudo o que conta é, Carisma, Honestidade e humildade, e ao meu entendimento, vc não passou nenhum desses exemplos, tanto é verdade, que saiu,!!!... mesmo com a casa toda principalmente seu amigo Dani Banana, apostando todas as fichas que vc seria forte candidata ao premio, pelo apelo da deficiência, mas não se atentaram que sua maior deficiência não estava na falta da perna esquerda, sua deficiência estava na falta de caráter.

Você entrou no BBB, talvez ate com a intenção do próprio diretor Boninho de querer se aparecer colocando uma paratleta para inovar o elenco de 2017, mas só foi uma decepção e uma frustração a mais,... como varias outras do gosto popular que já se passaram por essa casa, e não passara de apenas mais uma ex-bbb que entrara para o rol dos esquecidos assim como seu melhor amigo Dani Banana, que daqui um tempo ninguém se lembrara mais.

Foi ate longe demais, pque saiu do foco da casa que sempre foram atacar o Marcos, desde o inicio, ... vc foi longe demais, ... mas foi, ... e não volta mais, como diz a famosa musiquinha (Para noooooooossa Alegria) ... não deveria nem ter entrado,  chegou ate aqui para cumprir tabela, assim como vários outros que ja se foram, e que entraram apenas pra isso, pra cumprir tabela e pra encher a nossa paciência !!

Como seu amigo robô, frio e calculista modelo T-800,  do filme  "O exterminador do Futuro ", ... só me resta fazer da famosa frase dele , tbem a minha !!!

"__Hasta La Vista, ... Baby !!! "


sergiorodrigobernardo@hotmail.com
@sergiorbernardo

Ficou cada vez mais difícil escrever algo sobre alguém desse BBB, em especial agora depois de mais uma quase-agressão do descontrolado Marcos.

Mas falando em Marinalva, já que ela também foi quase agredida por ele, tivemos justamente a eliminação dela e coincidentemente logo contra ele... Fiquei pensando novamente se vale a pena assistir esse programa do qual já fui muito fã e acompanhei todas as edições.

Marinalva não foi uma grande personagem para o jogo, mas perder uma votação para um cara que não tem respeito algum tanto por ela quanto pelas outras mulheres da casa deixou uma sensação muito triste em pensar no país que vivemos e ver de quem o público mais apoia as atitudes lá dentro... Atitudes que podem ser reflexo com as atitudes aqui fora!

Voltando a Marinalva, foi uma grande pena ela não ter se posicionado de forma mais rude desde o inicio do jogo.

Na hora de votar, inclusive, suas justificativas eram as mais tolas e passavam a impressão de algo falso, já que se via ela comentando dentro da casa outras coisas.

Talvez por essa razão foi algo que fortaleceu sua rejeição aqui fora, e mais ainda por ela ser uma das que mais foi contra o casal Marcos e Emilly.

Poderia ter rendido muito mais se ela se posicionasse como fez nessa reta final desde o inicio. Uma pena!

11 comentários:

  1. Que bafão! Marcos eliminado por agressão. Não acho que foi intencional nem consciente. Também não acho que ele esteja certo por se irritar com Emilly, mas a menina é capaz de tirar até um monge do sério. A Globo foi a Globo e exagerou como fez no caso do "estupro" de Daniel do BBB15.
    A própria Emilly se espantou com o exagero da situação. Mas a Globo conseguiu lacrar a campeã definitivamente. Ninguém mais tira esse troféu com a nova condição de agredida. Afffff, BBBengôdo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga, me coloca no cabide porque estou passada!

      Temi que fosse dado esse desfecho com a eliminação dele, quando foi chamado ao confessionário mais cedo, ao ve-lo sair e até pela maneira como ele estava alegre, achei que ele tinha recebido apenas instruções para que se acalmasse e procurasse não mais brigar com ela, uma vez que faltavam poucos dias para a final.

      E eis que começa o programa e ouço o Tiago anunciar a decisão de elimina-lo e ve-lo ser chamado novamente ao confessionário para receber a informação e sumir sem que pudéssemos mais ve-lo.

      As cenas que se sucederam foram dignas das mais torridas novelas mexicanas, a vítima se sentindo acuada, um choro mais falso que nota de $ 3,00, preocupada tão somente com sua imagem e o que sua família podia estar achando e o pior, que eles não iriam querer que nada disso acontecesse, quando na realidade foi justamente o pai dela quem fez a denúncia contra ele na Delegacia da Mulher.

      Fim de jogo para ele, que sai como o crápula, e a coroação dela por ter conseguido seu objetivo: ingrata como é, afastar todas as pessoas que realmente gostavam dela, mas que jamais serão agradecidos por isso. Ela já se sentia a vitoriosa e que não precisava mais da proteção deles.

      Qual o lado bom de tudo isso: ele saiu a tempo de assistir a tudo ainda com ela dentro da casa e quando tudo terminar, na quinta, ele terá tido condições de reavaliar se valeu a pena o que passou em função dela e se vai querer ficar com ela fora da casa, o que pra mim não interessa mais, quero mais que sejam felizes. Bjo

      Excluir
    2. Concordo Hanne Brandenburg! Não me pareceu verdadeiro o estado de consternação da Emilly! Já que é necessário o bode expiatório... Sobre os textos sobre a Marinalva! Todos perfeitos!

      Excluir
    3. Obgda, Ricardo, pelo elogio ao meu texto sobre a Marinalva e que bom que concordas com meu comentário. Abs.

      Excluir
    4. Acho que hoje vão mostrar o vídeo editado dessa conversa no confessionário,e a gente vai saber como ele reagiu. A imagem de cirurgião pode ser manchada com essa expulsão, foi cruel.

      Excluir
  2. Parabéns Handel falou tudo que queria ouvir .indignação e o que estou sentido de ver tanta maldade dessa mulhera e da família descartou o cara quando não precisava mas dele não vi uma lágrima rola no rosto dela dissimulada meu consolo e ver ela perder este prêmio Só espero que a família Harter cobre bem caro da globo o que fizeram com seu filho este Bonindo é um lixo humano nao respeita ninguém vale tudo por um iboné . Meus sentimentos aos familiares do Dc

    ResponderExcluir
  3. Um absurdo vcs dizerem que não viram emoções no rosto de Emilly. Nos primeiros instantes, talvez por ter sido pega de surpresa, sua tristeza não tenha vindo em formas de lágrimas, após "cair a ficha", chorou e muito! Quanto aos textos sobre Marinalva, não há o que discordar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thereza, quando uma pessoa chora, em um programa de tv ou novela, pode expressar sentimentos ou não, no caso da Emilly, o não cair de lágrimas, algo que até o próprio Marcos lhe questionou em outra oportunidade, não siginifica exatamente o não escorrer do líquido lacrimoso, mas a falta de sensibilidade para o que realmente estava acontecendo, ou talvez o motivo não seja exatamente o que estávamos pensando ser do choro, pois nesse caso específico de ontem, ela repetia que queria muito saber o que o pai dela estaria achando disso tudo, a Ieda chegou a reforçar a preocupação dela e não pela eliminação do Marcos, que se duvidar ela jamais se sentirá culpada, não precisaria nem a solicitação do Tiago para que isso não acontecesse.

      Ainda bem, que pelo menos sobre a Marinalva estamos em concordância, né? Abs

      Excluir
  4. Parabéns pela justa análise sobre a trajetória do Marcos na casa. Começo a entender o comportamento dela nas horas anteriores a sumária expulsão dele. Obrigada por me livrar de pensar que eu era das poucas que havia percebido a personalidade da Marinalva...

    ResponderExcluir

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html