07 outubro 2016

RuPaul's Drag Race All Stars 2 - Episódio 6
Por Rômulo Cordeiro

No Episódio anterior, as queens eliminadas voltaram para o Workroom para terem sua vingança e o direito de voltar para a competição. RuPaul as desafio a fazerem um show de stand-up comedy em parceria com uma queen que ainda estivesse na competição para uma plateia de Drags. As melhores da semana foram Alyssa Edwards e Alaska e a dupla Tatianna e Detox, dando o direito de dublarem por suas vidas e pelo direito de voltar a competição e ainda eliminar Phi Phi O’hara ou Roxxy Andrews. Para a surpresa de todos, RuPaul decidiu que as duas eram vencedoras e merecedoras de voltar a competição, e além disso, poderiam eliminar as duas do bottom 2.  Para sorte de Roxxy, as duas queens escolheram Phi Phi, mandando assim a queen para casa com um pouco de rancor no coração. E isso foi o que aconteceu no episódio anterior.


Após a eliminação de Phi Phi, o assunto no Workroom não era outro a não a forma como ela se despediu de Alyssa Edwards demostrando total falta de maturidade para competição, mas, ao chegar na mensagem do espelho se depararam com uma explicação de Phi Phi, que dizia: “Evitei abraços para evitar lágrimas”, claro que ninguém comprou essa justificativa, Tatianna muito venenosa, comentou que não tinha acreditado nessa desculpinha, mas não tinha muito o que se fazer a respeito. Phi Phi pregou demais a ideia de querer refazer sua imagem depois da quarta temporada, que não queria ser mais vista como a vilã do Drag Race, mas infelizmente não deu bom. As investidas, os comentários, as atitudes pareciam terem sido intensificadas a cada episódio, bem capaz da sua imagem de vilã ter apenas piorado.

Para esta semana, RuPaul desafio nossas all stars a desenvolverem um produto que as represente e uma campanha publicitaria para ele. Mais um desafio já foi utilizado nas outras temporadas, acho que eu estou querendo desafios inéditos


Roxxy Andrews decidiu criar sua marca de cola para perucas, já que ela é bem conhecida por bater cabelo divinamente bem, mas, com a ajuda do consultor de marketing que RuPaul levou, ele reformulou sua ideia e no lugar de vender a cola, ela deveria vender o segredo dela, como um DVD de aulas de como fixar bem e balançar a peruca e oferecer a cola como brinde. Foi um comercial bom, porém, não muito bem executado. Roxxy fez um roteiro meio cansativo sem comentar que a peruca que ela usava por baixo da principal estava um pouco mal colocada.


Katya resolveu criar uma loção para deixar as pessoas mais equilibradas e acabar com nervosismo e estresse do dia-a-dia.  Criativa como sempre, Katya fez uma pequena esquete cômica que faz todo mundo rir. Soube vender seu produto destacando o quanto a rotina pode ser estressante e cansativa e como você se sentiria após usar a sua loção. Foi uma ótima ideia vender mais do que o produto, mas sim o bem estar que ele trará.


Alyssa Edwards trouxe para o seu comercial o jargão “Alyssa’s Secret” onde ela vendeu seu próprio energético. A ideia de mostrar o “seu segredo” pra ser uma ótima dançarina e drag foram suas armas pra vender.


Detox criou uma lixeira falante que solta frases sujas. A proposta é bastante interessante e divertida por sinal, mas os jurados não aprovaram. Eles disseram que por mais que seja um protótipo, era um designe feio e que a atuação de Detox no comercial fez parecer mais um boneco de ventriloquíssimo do que uma lixeira automatizada.


Alaska decidiu incorporar seu álter ego alienígena e trazer de outro mundo uma fita que ajudasse a modelar seu corpo e esconder as imperfeições. Bem criativo e bem lixoso quanto Alaska seria. A ideia foi bem vendida, principalmente quando ela menciona que está disponível em três tons, ligeiramente similares. Os jurados até chegaram a dizer que o comercial ficou com ar de propaganda de perfume importado.


Tatianna decidiu vender um conjunto de chá, mas não era um conjunto de chá qualquer, era o conjunto de chá para você soltar veneno com aquela amiga. A forma como Tatianna fez seu comercial foi bem espontânea e divertida. Tatianna tem um carisma natural com que tudo o que ela falasse não fosse tão agressivo. Acho que esse carisma dela deu a marca um up a mais.

Na passarela o tema dessa semana era calças.


Roxxy entrou com tudo num estilo anos 80 com calças boca de sino e tudo mais. Estava tudo no seu lugar, calça, cabelo, maquiagem, mas os jurados acharam que sua performance no comercial não foi tão boa assim. Roxxy novamente estava entre as piores e indicada a eliminação.


Katya chegou num modelo todo marrom meio andrógeno, que segundo ela representava uma agente secreta russa. Os jurados acharam que aquilo era um verdadeiro conceito de moda. Até RuPaul disse que era tão errado que ficou muito certo. Juntando com o seu comercial criativo, Katya estava entre as melhores da semana.


Detox entrou na passarela usando calça capri branca. Acredito que tenha sido um dos mais limpos e mais futuristas. De todos, o da Detox seria o que eu usaria no dia a dia. Ela não teve tantas críticas a respeito da sua roupa e nem do comercial, Detox estava salva.


Alyssa Edwards como sempre gosta de vestir alta costura, entrou com um modelito preto com um casaco de peles. Era tanta pele em cima dessa mulher que a calça meio que ficou despercebida, mas não foi um look errado. Alyssa também estava salva.


Alaska resolveu usar calças com estrelas e franjas. Ela parecia mais uma patriota. Foi um look ousado mas que agradou os jurados. O movimento das franjas eram bem livres dando um diferencial e destaque na calça. Junto com as críticas de seu comercial, Alaska também estava entre as melhores da semana junto com Katya.


Tatianna foi mais além, ela decidiu incorporar a cantora T-Boz com direito até coreografia de uma de suas músicas. Achei bem interessante essa decisão até porque foi além do esperado pra essa passarela. Mas só Deus sabe o porquê RuPaul decidiu colocar Tatianna no bottom two junto com Roxxy Andrews.


Definido as duas melhores e as piores da semana, Alaska e Katya, mais uma vez nessa temporada tiveram que batalhar por seus legados, assim como Roxxy e Tatianna se encontraram no Bottom two. Era um déjà vu pra todo mundo. A música dessa semana foi Cherry Bomb de Joan Jett and the Blackhearts. Eu já estou tão saturado de ver Alaska contra Katya que não me surpreendi com o Lipsync, mas a vencedora foi Alaska, o que deixou Katya um pouco frustrada por sempre perder pra companheira de Workroom.

Alaska estava mais uma vez num dilema, eliminar uma amiga que porem estava pela terceira vez entre as piores, ou eliminar uma candidata forte, mas tão forte que poderia destrona-la na competição. Acho que por pura estratégia Alaska decidiu cortar Tatianna da competição.


É uma pena ver Tatianna indo embora mais uma vez, e acima de tudo, perdendo injustamente, acho que nessa semana ela não foi tão ruim assim e além do mais, Roxxy Andrews já não está se sobressaindo nos desafios. Foi uma eliminação apenas por estratégia. Mas a competição esta ficando cada vez mais acirrada, e a hora de Roxxy Andrews está chegado.

Então, esse foi o recap dessa semana, a competição já chegando na sua reta final e muita coisa promete acontecer. Um abraço e até semana que vem.

Rômulo Cordeiro
Twitter: @Raiolaser_
Instagram/snapchat: raiolaser



Um comentário:

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html