06 maio 2019

MasterChef | Natália Jorge é eliminada, por Lédson Guimarães



Texto recebido em 06/05/2019

A cozinha do MasterChef Brasil ferveu no sétimo episódio. Para começar, Ana Paula Padrão está de volta informando os prêmios, os anunciantes, fazendo a contagem regressiva, para desgosto de milhares de telespectadores – semana passada, a apresentadora esteve ausente para uma cirurgia e os jurados precisaram assumir seu posto, para delírio da galera do sofá.

A pressão dos cozinheiros foi às alturas já na primeira prova com a temida Caixa Misteriosa. Por escolha aleatória de bancada cada um precisou fazer o mercado (com dez ingredientes) para o colega determinado em sua caixa. O chef Jacquin até tentou incentivar a busca por dificultar a vida do adversário, não se importando com o que teria de comer para avaliar, no entanto, poucos estão dispostos a abrir mão das afinidades que conquistaram. Ou estavam.

Despontando como a estrelinha da edição, Helton continuou provando que veio preparado não apenas mostrar seu talento culinário mas, também, para jogar. Colecionar desafetos a cada episódio nem ao menos o estremece. Coincidência ou não, o menino-prodígio precisou escolher os ingredientes para sua maior rival declarada, Juliana N., e não perdoou, rabanete, leite condensado e fígado fritaram a cabeça da moça, tendo uma hora de prova para conseguir extrair uma boa receita. “Certamente é uma prova de superação trabalhar com nada e tirar (fazer) algo”, disse a administradora hospitalar. 

O caminho para a eliminação da doce Natália não lhe parecia difícil, recebeu bons insumos da amiga Haila e afirmou que sua receita seria básica, correndo o risco de não surpreender os jurados. A brasiliense fez talharim com ragu de patinho. Fogaça chamou atenção para a postura tensa da jovem, o que transparece todo seu nervosismo diante da cozinha, consequentemente afetando os preparos. Ele avaliou a massa como bem feita e o tempero ruim da carne. Paola sentiu falta de ervas para dar mais sabor ao ragu. Jacquin estava para poucos amigos e relacionou o prato com a desconhecida massa enlatada existente na França, segundo ele é horrível. A chef Paola notou que Eduardo R. recebeu alguns mesmos ingredientes que Natália, porém ele utilizou adequadamente os alimentos e foi muito elogiado. 

Entre os destaques da prova Natália ficou do lado negativo com seu conterrâneo André, Janaína e Eduardo M., o sósia do ator Eriberto Leão. Ecatharine, Eduardo R. e Helton foram os destaques positivos. Helton soube aproveitar a compra feita pela amiga Lorena e arrancou elogios dos três chefs sobre todos os pontos de seu prato, desde a escolha da louça combinando com as cores dos alimentos até as escolhas de texturas e técnicas, em especial o crispy da raiz de alho-poró.

Pausa para um breve alívio, uma mini prova para salvar um competidor da Prova de Eliminação, exceto os três destaques negativos. E lá vem Helton outra vez tocar o terror e enfurecer seus desafetos. Ele teve a missão de escolher duas pessoas para irem direto para Eliminação. E, não, Juliana N. não foi uma opção. Sobrou para a outra Juliana, a F., e o cowboy Renan. Curiosa a demora do mineirinho para escolher os dois e a sua alegação de que gosta de todos os que estavam na berlinda, uma vez que tem facilidade para o confronto e apresenta rixa ferrenha com Juliana N. 

A mini prova dava meia hora para os cozinheiros trabalharem uma massa seca com apenas três ingredientes. Importante notar as trapalhadas de Haila, que aqui esqueceu a pimenta-do-reino, essencial para a carbonara, forte candidata a futura eliminada. Lorena subiu para o mezanino por surpreender os jurados fugindo dos clássicos, entregando um simples espaguete com pesto de coentro e castanha de caju.

A Prova de Eliminação trouxe uma aula do querido ex-MasterChef Ravi Leite, ensinando aos amadores três tipos de poke, uma receita havaiana com influências da Oceania e Ásia que significa “corte”, exigindo exatamente a técnica de cortes. Natália sentiu de vez o baque da pressão da cozinha por não ser boa com facas e com a culinária asiática. Renan entregou um preparo sem sabor, “parece um compilado de ingredientes”, segundo Paola, mas a brasiliense exagerou no vinagre, tornando o alimento intragável para uma segunda garfada. 

Só para lembrar, Haila, mais uma vez, esqueceu uma farofa que continha todo o tempero do seu prato na bancada, além de ter deixado cair uma porção de carnes. Está com a corda no pescoço. 

E se o ponto alto da competição nessa temporada é Helton vs. quase todo mundo, não pude deixar de notar incongruências na aparente alta rivalidade entre ele e Juliana N. da metade do episódio para o final. Em momentos das duas últimas provas ele tentava auxiliar, dar dicas para “Ju”, como a chamou, demonstrando sinceridade nos cuidados para com a mesma, contrastando totalmente com o espírito aguerrido entre ambos desde o início do programa. Bem, já ouvimos alguns ex-participantes como Deborah Werneck afirmarem ter feito um personagem, mesmo como uma forma de escape para suportar a pressão do jogo. É válido, apenas causou estranheza o comportamento dúbio que leva a questionamentos sobre até onde existe realmente rivalidade, afinal, é um tompero a mais para nós que assistimos. Por outro lado, uma válvula de escape pode ter faltado à Natália, pois os chefs afirmaram que a pressão do MasterChef não é para qualquer um e, certamente, não era para ela. 



8 comentários:

  1. Haila fez um poke sem tempero
    O cowboy de Taubaté nem poke fez
    E qm sai é Natalia
    Q lixo de Masterchef

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério mesmo, a Haila já deveria ter saído. Sorte dela alguém errar mais.

      Excluir
  2. Luís, quando você vai voltar a comentar o Power Couple Brasil 4? Onde estão os excelentes comentaristas do blog? Vocês estão fazendo falta! Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Eva! Quanto a mim, em que posso melhorar?

      Abraço.

      Excluir
    2. Lédson vc não precisa melhorar em nada.
      Me parece q o forte do Votalhada é BBB.
      Tem outros blogs por aí com textos enormes,lindamente ilustrados e nenhum comentário. Não faz nem sentido.
      A culpa não é sua.

      Excluir
    3. Realmente, o BBB tem um público gigantesco e gera maior empolgação. Te agradeço pelo feedback.

      Excluir
    4. Pois é! Vi q vc ficou no vácuo e vim te socorrer,rs.

      Excluir
    5. Fiquei mesmo... E fiquei curioso pela resposta dela. Kk
      Obrigado!

      Excluir

ATENÇÃO:

O Votalhada é um blog para AMIGOS do Votalhada. Pode criticar, pode não concordar mas educação é fundamental. Não perca seu tempo.

#SemPolítica #SemOfensas #SemMAIÚSCULAS #SemBabacas

Pessoal, qualquer comentário com conotação política, que cite nome de qualquer candidato ou termos que lembrem candidatos, governo atual ou passados, NÃO SERÃO MAIS LIBERADOS. E Militância de qualquer espécie também.

LEMBRE, depois de postar fica gravado para sempre. Mesmo que você exclua, a mensagem enviada pelo sistema para o moderador (com o texto postado) não desaparece.

LEIA AS REGRAS:
http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html



ATENÇÃO a todos os usuários que não configuraram suas contas do Google ou Blogger e que aparecem como Unknown ou Desconhecido: Os comentários efetuados com esse nick não serão publicados, a não ser que contenham mensagem consistente e respeitosa.

Sugestão ao que aparecem assim: Assinem embaixo do comentário com pelo menos seu nome. Se puder, deixe seu twitter.

Grato.