19 agosto 2015

Reality shows são proibidos em hospitais nos EUA


Os reality shows estão proibidos de serem realizados em centros hospitalares em Nova Iorque se não existir um consentimento prévio pelos pacientes e familiares, admitindo a existência deste gênero de programas.

A decisão chega, depois de em junho, ter sido tornado público o caso de Anita Chanko, uma mulher de 74 anos que viu o seu marido morrer na TV, no reality show da ABC “NY Med“. O fato foi que a família, incluindo a esposa, não foram avisadas que os últimos momentos de vida de Mark, iriam passar na televisão.

“Os reality shows não têm lugar nas nossas salas de urgência. Com esta nova medida, os nossos estabelecimentos podem orgulhar-se de zelar pela privacidade em Nova Iorque”, admite Dan Garodnick, Conselheiro da cidade, em entrevista à comunicação local.


0 comentários:

Postar um comentário

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html