19 novembro 2013

Do Cantinho da Shadow:
Dois em Um - A Sétima e Oitava Demissão



Dois em Um
A Sétima e Oitava Demissão


Sabe-se lá por que o Aprendiz O Retorno passou a apresentar na mesma semana dois capítulos e duas demissões. Se não for para complicar a tarefa de quem escreve e comenta e tem outras atividades com que se ocupar, talvez seja para chegar à final do reality o quanto antes devido aos baixos índices de audiência. Isso é visível ao ver o pouco impacto que o programa vem causando nas redes sociais, hoje um termômetro de sucesso e fracasso das novidades que estão na mídia.

Particularmente, acho uma pena. Gosto do formato, não deixa de ser um aprendizado sobre empreendedorismo para quem acompanha capítulo a capítulo. Era assim no Universitário e está sendo agora em O Retorno, conduzido de forma impecável por Roberto Justus e deliciosamente por seus conselheiros, apesar do desempenho dos participantes ter decepcionado e deixado a desejar.

A impressão que dá é que em matéria de reality as pessoas se acostumaram a ver baixaria, gritaria... e outras ias. Não tem espaço para algo mais elaborado e criativo. Em o Aprendiz as tarefas e provas se aproximam do público do sofá que é capaz de interagir e refletir sobre o que ele faria caso ali estivesse. Passa a ser um desafio compartilhado.

Dizem por aí que o Aprendiz passará por reformulações no ano que vem, mudando para Aprendiz Celebridades. Benza Deus! Em busca de audiência vão conseguir acabar com o programa em três tempos. Já imaginaram alguns dos ex-participantes de A Fazenda, que não sabem fazer um “ó” com um copo, aceitando os desafios do Justus?!? Não faça isso com você mesmo Roberto Justus e nem com os seus conselheiros, será muito conhecimento desperdiçado! 

Enfim, não elucubremos antes da hora.

Enquanto isso, no sétimo e oitavo episódio, vimos a equipe Flecha ser derrotada mais uma vez e sucessivamente, resultando na demissão da Mariana e Karina, quando nas duas ocasiões - a meu ver - deveriam ter sido o Evandro e o Guilherme, ambos líderes da equipe na sequência e no fracasso, os dois com muita argumentação e jogo de cena para pouco resultado. Inicialmente e sem titubear, escolheram a Mariana e a Karina para bode expiatório, com o empurrãozinho calculado de Dna. Maytê; como se deram bem, na tarefa seguinte, repetiram a estratégia com a que voltou, e assim conseguiram a demissão das duas. Pois é, a Dna. Maytê que se cuide com esses dois. Pra sorte dela, na próxima tarefa, um membro da Sinergia deverá ir para o sacrifício integrar a equipe Flecha. Quero ver quem será o louco que irá habilitar-se, rssss... Talvez o Jota Junior - com sua empáfia e para se mostrar ao chefe - caia nessa fria. Eu ao menos gostaria, rssss...

A sétima tarefa consistia em promover o novo lançamento da Peugeot 208 a partir da assinatura: “dentro dele é outro mundo”. O objetivo era criar uma experiência que gerasse encanto e desejo com criatividade, identificando o público alvo e trazendo o maior número de pessoas para entrar e conhecer o carro, dando uma voltinha no quarteirão. Uhauhauhau...

Aqui era a corrida Evandro x Solano, ambos líderes de suas equipes. Dado que o maior número de pessoas a testar o carro era relevante, a escolha do local, portanto, era fundamental. Sinergia optou, com acerto, por situar a tarefa num shopping em dois momentos: um carro em exposição e outros dois para test drive com os personagens da Corrida Maluca - Dick Vigarista e Penélope Charmosa num estande montado com muito capricho para a marca. Fizeram um golaço aí! Muito embora, Mel estivesse mais pra Dick Vigarista do que para Penélope Charmosa criticando de forma rasteira e impiedosa o trabalho dos outros. Os Flecha, coitados, já começaram mal, fizeram o evento inserindo e repetindo o já batido caminhão de led da tarefa anterior e estipulando a meta de 120 pessoas para o “teste drive” com “ezinho” - material de arte com erro crasso que ao perceber tentaram corrigir, mas não deu - fixado numa barraquinha que mais parecia, segundo o Justus, “coisa de adolescente para vender limonada”. Ahahaha... Morri!!!!! E pra fechar o pacote, decidiram fazer o evento em uma churrascaria e, no dia chuvoso seguinte, em uma padaria. Isso mesmo minha gente: uma churrascaria! Pensem: Quem é que vai numa churrascaria para fazer test drive??? Quem é que vai sair da fila para dar uma voltinha num carro e correr o risco de perder a mesa ??? Quem sai de uma churrascaria está louco para ir pra casa dormir e tirar um cochilo, como bem pontuou Walter Longo.  Bom, estava na cara que isso não poderia prestar! 

E, nessa corrida, o caminho dos Flecha - mais uma vez - foi a sala de reunião. Pois é, durou pouco, muito pouco, o gostinho da vitória. Enquanto a Sinergia recarregava as energias num SPA, Guilherme escolhia sorrateiramente como alvos: a Mariana e a Karina, e o pior: tentando tirar o brilho da excelente liderança anterior da Karina. Ele é muito baixo! Para a sala de reunião, Evandro ensaboado como ele só em meio a frases prontas trouxe até Aristóteles, ao que, um nada filosofal e sempre objetivo Roberto Justus, disse que se fossem sócios não iriam muito longe... ahahahaha... pelo visto demitiria Aristóteles... ahahahaha... Ideias x eficiência!!! Tudo o que faltou à equipe. Maytê como não poderia deixar de ser e para se poupar, mirou comodamente nos alvos já escolhidos pelo Guilherme e Evandro. Faltou lealdade e coragem à moça para apontar as falhas do líder, no fundo o maior responsável pela ação inoperante e fracassada. Feia essa atitude dela, muito feia!!!

Aliás, dentre todas as salas de reunião desta edição, essa foi uma das melhores. Justus e seus conselheiros inspiradíssimos simplesmente foram fantásticos em suas argumentações e análises. Ao final com um “o mestre encontra seu discípulo quando ele está pronto” Evandro escapou e a Mariana, demitida. Peninha!

Na oitava tarefa, os Flecha liderados pelo Guilherme, segundo o próprio Justus, foram os pioneiros - dentre todas as edições - em não concluir a tarefa proposta. Misericórdia!!! Só por isso, o líder mereceria a demissão. Afinal, liderança que se preze não deixa isso acontecer. Apresenta alguma coisa, por mais incompleta que ela esteja, mas apresenta! A prova consistia em responder a um quiz em inglês sobre os Parques Temáticos em Orlando: Island Adventure e Universal Studios, para respondê-lo teriam que entrar em algumas das atrações. Uhuhuhu...Coisa boa sô!!! Cinema em 3D, 4D, montanha-russa.... também queroooooo.... Melina deu de goleada no Guilherme, respondendo a todas as perguntas com boa margem de tempo, até mesmo porque o domínio de inglês de sua equipe era superior ao dos Flecha - ao menos foi a impressão que deu. 

Por fim teriam que elaborar em uma hora uma campanha de mídia impressa para o Cabana Bay Beach Resort, novo complexo hoteleiro dos Parques. Para a apresentação, os Flecha levaram apenas e tão somente o conceito, esquecendo-se da mídia impressa e do layout; e pra piorar olvidaram do principal: que o hotel está inserido nos Parques, baseando o seu esboço de campanha nos anos 50 e 60; preocuparam-se com o periférico, deixando - mais uma vez - o essencial de lado; novamente Maytê foi a idealizadora de uma ideia fracassada que levou seu grupo à derrota.  Ó dó!!! A Sinergia fez uma apresentação melhorzinha, e por isso saiu-se vitoriosa, mas também não conseguiu atingir o objetivo do breafing. Fiasco só!!!

Enquanto a Sinergia gastava sua energia no mágico e fascinante Parque do Harry Porter e na piscina do Hard Rock Hotel - delíciaaaaa!!! -, os Flecha se afogavam tentando entender suas falhas e erros. E desta vez, o Guilherme - sem vacilar - mirou na Karina. Ao que tudo indica a bem sucedida liderança dela o incomodou, e muito! Mostrou, mais uma vez, que é medíocre, covarde e rasteiro! E os demais - Maytê e Evandro - na tentativa de não serem indicados por ele para a segunda parte da sala de reunião, acabaram compactuando com ele, quando todos sabiam que o maior responsável pelo fracasso foi a falta de comando e planejamento dele. Que feio!!! Absurdamente Maytê conseguiu ser poupada pelo líder, até porque ele quis se livrar de uma língua ferina na sala. Claro, de bobo não tem nada! A meu ver, os que restaram merecem ir caindo um a um, feito castelo de cartas!!! Aliás, o Evandro entrar na segunda parte da reunião de peito estufado dizendo que quem começaria a falar seria ele, foi de uma infelicidade e falta de compostura sem tamanho. Pelamor!!! Que crista!!! Ter um colega como esse é estar preparado para levar uma rasteira a qualquer momento. Afff.... 

Enfim, após uma sala de reunião que foi adrenalina pura, com um Roberto Justus causando, dando uma aula de publicidade esmiuçando e analisando detalhe a detalhe a tarefa, provocando discussões e o embate entre os participantes, arrematou pedindo aos três que fizessem em cinco minutos o esboço de um anúncio. Guilherme, coitado, apresentou o seu sem revisão e com erros gramaticais, pobreza só!; Evandro como pavão que é, o fez em inglês sendo que o público alvo não era o americano, ahahaha... e se esqueceu do principal: de fazer o anúncio, como ressaltou o Justus; Karina fez o dela direitinho: um anúncio objetivo, claro e direto, mas já era tarde... A falta de domínio da língua inglesa foi o que - sem dúvida - contribuiu para a sua demissão; ocorre que, os outros também não demonstraram ter todo esse domínio da língua, haja vista que se atrapalharam com o quiz justamente por isso. Pena não ter sido levada em consideração que foi justamente na eficiente liderança dela, que a equipe quebrou a sua sequência de derrotas. Achei que ela pecou ao final pedindo desculpas aos prantos ao Justus. Que é isso Karina, você é muito maior que o Aprendiz e que seus companheiros de equipe!!! Boa sorte garota!!!


Shadow
cantinhodashadow.blogspot.com.br
@ Shadowtweetando


0 comentários:

Postar um comentário

Regras para comentários: http://votalhada.blogspot.com.br/p/comentarios-regras.html